quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

O que Danilo Gentili, comediante do CQC , escreveu a respeito da piada de Robin Wilians sobre o RJ, no programa do David Letterman

Eu estava planejante fazer um post sobre natal (FELIZ NATAL SORVETEIROS), ano-novo ou até mesmo verão, mas eu achei isso aqui mais interessante de postar:

"HÁ HE HI ROBIN WILLIANS

Uns anos atrás os Simpsons vieram pro Brasil. Homer foi sequestrado. Bart ficou excitado com a loira de shorts enfiado na bunda que apresentava um programa infantil na TV. O menino pobre que a Lisa ajudou não tinha o que comer mas estava muito feliz desfilando no Carnaval.

Esses dias Robin Willians falou o seguinte: "Claro que o Rio ganhou de Chicago a sede das Olimpíadas. Chicago levou Michele e Oprah e o Rio levou 50 strippers e 500g de cocaína".

Eu ri!

Advogados, autoridades e populares se revoltaram nos dois casos. Eles não se revoltam, não se mobilizam, não processam, não abrem inquéritos, não fazem passeatas quando o sequestro, a loira vagabunda apresentadora de programa infantil, a idiotice do carnaval, o tráfico de drogas e a prostituição acontecem na vida real bem debaixo dos nossos narizes. Eles se revoltam só quando usam isso pra fazer piada.

A piada realmente boa sempre ofende alguns e mata de rir outros por um motivo simples: A boa piada sempre fala de uma verdade. Num País onde aprendemos a mentir, enganar, roubar, tirar vantagem desde cedo a verdade não diverte. Assusta. O cara engraçado pro brasileiro é sempre aquele que fala bordões manjados, dá cambolhatas no chão em altas trapalhadas, conta piadas velhas, imita o Silvio Santos e outras personalidades ou faz um trocadilho bobo mostrando ser um ignorante acerca dos assuntos. Esses bobos passivos nos deliciam porque nào incomodam ninguém! Um cara que faz um gracejo com uma verdade inconveniente pro brasileiro é como o alho pro vampiro. Merece ser execrado.

O brasileiro é uma gorda de 300 quilos que odeia ouvir que é gorda. Ela faz um regime pra parar de ouvir isso? Não! Regime e exercicio dá muito trabalho. É mais fácil ir no shopping, comprar roupa de gente magra, vestir e depois acomodar a bunda na cadeira do McDonalds. O problema é que nem todo mundo é obrigado a engolir que aquela fabrica de manteiga é Barbie, só porque está com a roupa da Gisele Bundchen. Então é inevitável que mais hora menos hora alguém da multidão grite: "Volta pro circo!" ou "Minha nossa! É o StayPuff com o maiô da Dayane dos Santos?". Então a gorda chora. Se revolta. Faz manha. Ameaça. Processa. Porque, embora ela tentou se vestir como uma magra, no fundo a piada a fez lembrar que ela é mais gorda que a conta bancária do Bill Gates. A auto-estima dela tem a profundidade de um pires cheio de água.

Ao invés de dizer que Robin Willians tem dor de corno, prefeito do Rio, vai cuidar primeiro da sua dor de mulher de malandro. Sabe? Mulher de malandro sim, aquela que apanha, apanha, apanha mas engole os dentes e o choro porque acha que engana a vizinha dizendo: “Eu tenho o melhor marido do mundo”.

Advogados. Vocês já são alvos de piadas por outros motivos. Já que se incomodam com piadas evitem ser alvos de mais algumas delas não processando Robin Willians. Em vez de processo, envie pra ele uma carta de gratidão. Pense que ele estava num dos melhores programas de TV do mundo e só falou de puta e cocaína. Ele poderia ter falado por exemplo, que o turista que vier pra Olimpíadas se não for roubado pelo taxista, o será no calçadão. Poderia também ter dito que o governo e a polícia brasileira lucram com aquela cocaína do morro carioca que ele usou na piada. E se ele resolvesse falar algo como: “As crianças do Brasil não assistirão as Olimpíadas porque estarão ocupadas demais se prostituindo” ? Ah... E se ele resolvesse lançar mais uma piada do tipo: “Brasileiro é tão estúpido que se preocupa com o que um comediante diz, mas não se preocupa no que o político em quem ele vota faz”?

Enfim... são muitas piadas que poderiam ter sido feitas. Quem é imbecil e se incomoda com piada, não seja injusto e agradeça ao Robin Willians porque ele só fez aquela.

E depois brasileiro insiste em fazer piada dizendo que o Português é que é burro."

Quer saber? Vou começar a ver CQC.

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Amizade entre homem e mulher


Hoje, como eu não tinha nada pra fazer, tomei coragem e comecei a ler aquela coluna super chata da Lili Prata. Sabe, aquela na última página da capricho?

O assunto dessa edição era: É possível ter amizade entre homem e mulher?

Como esse é um assunto muito comentado, eu resolvi dar a minha super opinião. :D

Eu acho que é possível sim ter amizade entre homem e mulher. Mas acho que nem todos os homens e mulhers conseguem ter amigos do outro sexo... Dá pra entender o que eu to falando?

Têm meninos que conversam na boa com meninas, mas têm outros cujo olhar cai direto no seu decote. A mesma coisa para meninas. Algumas são mais tranquilas, outras saem procurando garotos bonitos em todos os lugares que vão e que pulam do carro no sinal vermelho para dar um beijo no Robert Pattinson, mesmo estando com gripe suína.

Daí tem aquele negócio da aparência. Eu não ligo de ter amigos feios, mas para ser meu namorado tem quer ser legal E bonito. Mas ser bonito e cabeça-oca não dá. --'

Tem amigos que combinam, outros que não daria para formar um casal nem em um milhão de anos. Têm pessoas que conseguem voltar a ser amigos depois do namoro, outras não.

Entende? Tudo depende das pessoas.

sábado, 19 de dezembro de 2009

Criticando com sorvete :9 - AVATAR

EU NA ESTRÉIA DE AVATAR!!!!

EU FUI! EU FUI! EU FUI! YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!

E olha que não foi fácil arranjar compania. -_- A maior parte das pessoas já tinha planos ou não queria ver o filme de jeito nenhum.

AVATAR É O FILME MAIS INCRÍVEL QUE EU JÁ VI NA VIDA!!!!! EU NÃO ACREDITAVA NOS MEUS OLHOS! Eu também devo ter parecido a Kristen Stewart porque a minha boca não fechava.

Ok, agora que eu já descarreguei o meu bom gosto em vocês. Deixe-me fazer uma crítica decente: Aliás, eu nem sei se isso pode ser chamado de crítica porque o filme não tem defeito nenhum!

O filme se passa em 2154. Lá nós descobrimos um mundo (ou uma lua?) chamada Pandora. Claro que a gente foi lá pesquisar né? Um lugar incrível e além da imaginação, Pandora se torna o meio ambiente mais hostil conhecido pelo homem. Também descobrimos lá um metal capaz de salvar a Terra da sua crise de energia. Cada quilo dessa pedrinha vale 20 billhões de dólares.

Além de todos os perigos que essa mata fechada e maravilhosa, existem os Na'vi (se pronuncia Naví). Humanóides de pele azul e três metros de altura que não gostam da gente.

A atmosfera de Pandora é toxica e para sobrevivermos lá foram criados os Avatares. Corpos criados de uma mistura de DNA na'vi com DNA humano.

O irmão gêmeo de Jake Sully era um ciêntista e teve um Avatar desenvolvido para ele para que ele pudesse estudar Pandora de perto. Mas ele morre e Jake, um ex-fuzileiro preso numa cadeira de rodas, vai em seu lugar.

Eu sabia que o filme ia ser bom, porque, porra, olhem esses gráficos!





Mas, o filme superou todas as minhas expectativas!

James Cameron (o diretor) tem o dom de fazer o que é estranho e assustador parecer maravilhoso e fascinante.

Outra coisa que diferencia Avatar de filmes como Narnia e Transformers (outros filmes que ótimos personagens por computador) é que você acredita que isso é possível. Você realmente acredita que se estivéssimos em 2154, poderíamos achar Pandora, poderiam ser desenvolvidos Avatares e também poderia acontecer tudo que aconteceu no filme.

Também vale chamar atenção para os detalhes do filme. O roteiro quase não tem palavrões, enquanto a maioria dos filmes hollywoodianos têm um 'fuck' ou um 'fucking' a cada cinco minutos, o filme tem metralhadoras e sangue, mas não tem violência de graça nem sangue espirrando pra todo lado. E os avatares são exatamente iguais aos atores. Levou um ano pra desenvolvê-los todos os detalhes deles, então trate de prestar atenção.

A censura do filme é pra 12 anos, mas acho que todo mundo vai gostar. :D

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

IT'S SUMMER TIME BABY!

It's summer time baby!!!!!!!!!!!!!!!!!!! UHUL!

E sabem o que isso significa??? Claro que sim. ¬¬

Sol, calor escaldante, praia, férias, dormir às 4h e acordar às 2h, férias, gatinhos de praia, bronzear, surfe, natal, ano novo, nada para fazer durante dois meses inteiros!

E a essa hora, se tiver ficado de recuperação, você provavelmente já passou, ou, bem, já sabe se repetiu de ano. Mais estudo no próximo ano.

Então, eu resolvi fazer um post sobre isso, porque eu adoro essa época do ano e bem, eu realmente to precisando postar aqui. (apesar de ter amado os 13 comentários que o post sobre bullying virtual recebeu, foi muito inesperado!!! brigadão gente! E também OLÁ pras novas sorveteiras!)

O verão é uma ótima época para investir em roupas mais ou menos assim:






Eu não sei quanto a vocês, mas acho essa parte super divertida. ^_^

E fala sério, a melhor parte deve ser ir a praia todo dia! *-* Se você for uma pessoa normal que nem eu, e não um vampiro ou uma criatura noturna que nem a maior parte dos meus amigos, provavelmente vai ter ido dormir às 1 da manhã (e não as 4 --') e vai ter acordado às 10 da manhã pra ir a praia!

Agora, um assunto muito sério.

Vocês já ouviram falar de farofeiros?

Se você morar no estado de São Paulo, ou perto da capital os farofeiros provavelmente também vão ter o apelido carinhoso de Paulistanos.

Farofeiros são um dos tipo mais baixos e irritantes de ser humano. Eles podem ser vistos nas praias aos montes, jogando lixo no chão, com caixas de isopor, vermelhos como frutos do mar, gordos, barulhentos, mal educados, com música alta atrapalhando todo mundo.

Algo mais ou menos assim. Só que com pessoas de verdade. Procure sobre eles no google imagens. Eu achei a maior parte das imagens traumatizantes demais para por aqui.
Em ordem de salvar a minha praia, o meu querido oceano, e a reputação de vocês aqui vão os 10 mandamentos da praia:
  1. Não confundirás o oceano com lixo, nem fingirás que o lixo na areia não é seu.
  2. Não ouvirás música alta de nenhum tipo.

  3. Farás o favor de comprar refrigerante na praia e não trazerás nenhum tipo de arca com nenhum tipo de alimento.

  4. Passarás protetor solar.

  5. Não irás confundir a praia com o seu chiqueiro, opas, queres dizeres, casa.

  6. Beberás com moderação.

  7. Não ficarás olhando para a bunda das meninas nem cantarás funk quando elas passarem. Se olhares, farás com discrição e fingirás ser um cavalheiro.

  8. Usarás roupas de banho de tamanho ideal para vossa massa corpória.

  9. Não deixarás seus filhos/monstrinhos jogarem areia ou lama nas pessoas.

  10. Serás cortês com o tiozinho da barraca de pastel, de sucos, capirinhas e com todos que ganham o pão de todo dia na praia.

Acho que os mandamentos se explicam sozinhos, mas se algum farofeiro em reabilitação alguém quiser perguntar, faça-o nos comentários ou diga que tem alguma coisa confusa aqui em cima que eu reescrevo.

Conselho de amiga: Cuidado com o que você come na praia. Sério. Sol quente e comida são uma combinação bem explosiva.

E acima de tudo, NÃO COMA CAMARÃO. Você vai se arrepender profundamente. E tenha bom senso. Veja se a moça do pastel tá usando luvas (e se ela as tira pra mexer em dinheiro), se o queijo tá gelado, se o milho não parece estragado, coisas assim. O sorvete é a opção mais segura - se estiver meio quente, vai fazer a maior sujeira, mas não vai fazer mal.

E como bronzear também é de suma importância, mas câncer de pele não é uma prioridade, conheça o (bufem os tambores):



Novo protetor solar com betacaroteno da nivea!!!! Esse é o protetor mais perfeito de todos os tempos! Que vai fazer até as mais branquinhas bronzearem.

Ou, bem se você for a pessoa saudável que eu quero ser, você pode simplesmente comer um monte de cenoura. Os alimentos laranja são cheios de betacaroteno. E Betacarteno é um negócio que te ajuda a bronzear.

Ufa. Que post enorme! Boas férias gente! E parabéns pra quem foi paciênte pra ler até aqui! :D

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Não ao Bullying virtual!

Vocês já viram essa campanha nova da Capricho? Leia sobre ela aqui. :)

Pra quem não lê a Capricho ou não lê o blog as mais estilosas, ou ficou confuso de qualquer jeito, deixe-me explicar:

O blog As + Estilosas é um blog que mostra garotas estilosas de todo os lugares do mundo. Tem garotas brasileiras, garotas brasileiras que moram em outros países, e tem garotas de todos os outros países que vocês imaginarem. Já apareceu garotas do Japão, da Suécia, da Alemanha, da Austrália...

Alguns estilos agradam mais, outros agradam menos. E com as fotos das roupas sempre vêm uma entrevista em que elas falam da suas ícones fashion, de música, onde compram as suas roupas e outras coisas legais. :)

Daí, tem os comentários onde as garotas podem dar a sua opinião sobre o assunto.

A palavra-chave aqui é opinião.

Algumas garotas não fazem isso. Elas não dizem, 'ah não gostei' ou 'e se ela usasse com outros sapatos talvez ficasse melhor', elas saem xingando! E algumas são muuito grosseiras. Não pode falar palavrão nos comentários da capricho, mas é só você colocar um asterístico do lugar do 'a' e escrever porr* que não tem problema.

Em 2007, no concurso das mais estilosas, nossa, a coisa ficou feia, eu fiquei muito chocada enquanto lia os comentários. As meninas estavam com raiva de não terem sido escolhidas e descontaram tudo isso nos comentários das fotos do blog. Uma delas chegou e falou assim 'eu conheço essa menina, ela não se veste assim na vida real!'. Tá né?

Agora, a capricho vai excluir comentários suuuper grosseiros e que vieram de gente totalmente sem classe. ;) Espertos não?

Agora, vamos ao Bullying Virtual:

Bullying virtual é a mesma coisa que Bullying normal, só que por computador.

Esse tipo de Bullying é pior do que o ao vivo em muitos sentidos.

No bullying da vida real, você é mal tratado, xingado, humilhado, e nos piores casos, é até espancado. No computador, dá pra fazer tudo isso (menos a parte da violência física claro), mas você não sabe quem está fazendo. E todo mundo pode ver a sua humilhação se clicar na página.

Vai no orkut e digita as palavras 'eu odeio a' na busca de comunidades. Todas as comunidades que aparecem láááá no fim que falam 'eu ODEIO a fulana' e na descrição chamam ela de puta, de vadia, de isso, de aquilo, é uma espécie bem séria de bullying.

Outro problema: Às vezes a gente participa dessas coisas e nem sabe. Alguma coisa que a gente acha que é uma brincadeira, pode estar fazendo alguém chorar. E, se acontecer alguma coisa e você for castigado por isso depois, poupe seu fôlego, dizer que 'não sabia' não vai adiantar nada. Você participou de um bullying e contribuiu pra fazer alguém muito triste. :(

E é por isso, que todos os sorveteiros vão evitar comunidades grosseiras de qualquer tipo, né? :P

domingo, 6 de dezembro de 2009

Criticando com sorvete :9

Aviso: se você não viu o filme aqui contém spoilers (mas eu aconselho a ver o filme em casa onde você pode se levantar ou desligar a tv se quiser) e se você for uma daquelas fãs loucas que veneram tudo com a cara do Robert nela, não venha me xingar não é minha culpa se você está cega de amor e não vê a porcaria que o filme é na verdade. ;)

Ontem eu fui ver o filme Lua nova.

Eu sei, to atrasada, mas eu já tinha combinado com uma amiga (que ainda estava em aula) e não pude ver antes. Pra falar eu não estava muito a fim de ver não também.

Gente como eu estava certa.

Lua Nova é uma droga! Nem sei por onde começar! Eu achei que o filme ia ser bom, legal! Mas depois de uma hora de filme eu não aguentava mais! É muito chato!

Vamos começar pela Kristen:

É incrível o talento que ela tem para arruinar todas as cenas em que ela aparece!

Ela também tem essa tendência a se superar surpreendente. Eu não sabia que era possível ser pior do que ela foi no primeiro filme, mas ela foi.
Como alguém consegue ficar com a mesma cara o filme inteiro?

Aquela desculpa de que a Bella não tem expressão mesmo não cola. A Bella sempre é descrita como um livro aberto, os olhos dela dizem tudo.
A emoção nunca chega aos olhos da Kristen, nem uma vez. Isso já estraga qualquer ator, imagine então um que está interpretando justo um personagem que tem que passar toda a emoção pelos olhos?
A câmera:

Alguém pode por favor consertar o suporte daquele negócio?

Parece que a kristen é uma atriz tão ruim que parece que eles tentam consertar isso com uns giros estranhos da câmera.

Na cena que o Edward vai embora e ela deita no chão, a câmera girou tanto que eu fiquei tonta.
Em outra cena eles viram ela de cabeça para baixo. Toque artístico desnecessário e confuso.

O Figurino:

Foi meio que uma surpresa, tipo eu achei a Esme muito estranha nas fotos promocionais, mas...

O cabelo da Victória era loiro no primeiro filme! Loiro! Agora tá super vermelho, como foi descrito no livro. É bom que eles tenham colocado o lado mais marcante da Vitória no filme, mas quem nunca leu os livros não vai entender por que o cabelo dela mudou radicalmente de cor!

Dava pra ver as lentes nos olhos dos atores! Deu pra ver a lente no olho da Kristen, a lente no olho do Aro, do Edward... O figurino é pra fazer o telespectador acreditar no que ele está vendo! É pra parecer real!

Tem uns errinhos bem seriozinhos:

Eu acho que teve um erro no início do filme: Ninguém sabia que a Victória estava atrás da Bella. Ela descobre isso quando fala com o Laurent. Mas no início do filme o Edward e a Bella conversam sobre a possibilidade dela voltar pra pegar a Bella. Se o Edward soubesse disso, ele nunca teria ido embora.

Em Volterra os olhos do Edward estavam dourados. Mas ele tinha olheiras enormes. Quando os vampiros estão com sede, em Crepúsculo, os olhos escurecem. No primeiro filme, isso aconteceu, os olhos dele ficaram pretos, então por que na continuação isso não aconteceu?

O que "salva" o filme:

O Taylor. Geeeeeeeeeeeenteeeeeeeeeeeeeeeee, que coisa linda de se ver! E ele é um ator decente! É uma pena que os outros lobos não são tão bonitos quanto ele. :(
Os amigos da Bella. Eu morri de rir com as cenas com o Erik, o Mike a Jessica e a Angela!

Os efeitos especiais e a critividade deles. Adorei os lobos, eles são muito reais! E também gostei muito da cena da caçada da Victória. Ela está correndo devagar e você não entende nada, logo depois você vê um pássaro se movendo em câmera lenta e entende que na verdade ela está correndo rápido, mas estamos vendo devagar pra entender melhor.

Os Cullen. Todos são muito bons no que fazem.
Conclusão: Esse sabor não agradou. A sorveteria dá 1,5.

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Damas e Cavalheiros no século XXI: Festa na Pizzaria

Como eu percebi que os maiores blogs têm nomes e categorias pros posts e tal então eu vou fazer uma também! :B Espero que eu lembre que ela existe da próxima vez que eu postar algo do assunto.

Então, ontem eu fui a festa de uma amiga num restaurante. Foi bem chatinho e sem gracinha, mas esse não é o ponto.

A festa era às 8 da noite. Eu cheguei pouco depois das 8:30, preocupada porque eu estava atrasada demais.

Atrasada porcaria nenhuma, cheguei até cedo. A aniversariante me disse que tinha convidade 23 pessoas, e quando eu cheguei, tinha ela e mais 5 pessoas na mesa.

Eu cheguei quase nove da noite e não tinha ninguém!

Quando era quase 10 horas, é que chegou a outra metade da festa.

Gente, temos que nos adaptar às situações. Em uma festa normal, uma de 15 anos por exemplo, com buffet, música, e cem pessoas convidadas (no mínimo), chegar uma hora atrasada é normal. Já em uma comemoracãozinha num restaurante é uma falta de educação extrema.

Qual é a diferença?

Em uma festa de 15, se você chegar atrasado, a festa continua, todo mundo pode dançar, comer a vontade, conversar; isso sem contar que a festa costuma ser enorme, então ninguém dá pela sua falta.

Mas num restaurante, você só come quando todo mundo chega. Eu estava morrendo de fome! Ficamos pedindo um monte de porções de batatinha pra sobreviver e acabamos pedindo a comida antes do resto da festa chegar. E já imaginou o nervoso da aniversariante? Metade da festa chegou uma hora atrasada, ela pode ter achado que ninguém ia vir!

Se você tem outro compromisso, existe um coisa chamada telefone, uma chamada msn, uma chamada twitter e outra chamada página de recados no orkut onde você pode avisar que vai chegar atrasada.

E assim o resto da festa não fica de mal humor enquanto espera você e ninguém estraga a festa.

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Colíros da Capricho (de novo)


O povo têm falado disso tanto ultimamente que eu resolvi falar também.

O que eu, como menina, adolescente, na flor dos seus hormônios, fã da capricho acho deles?

Bom, eu não sou exatamente fã do colírios. Eu não sei quem é que posta ali nem nada, mas sinceramente, aqueles "ui, morremos", "noooossa" e os outros comentários idiotas e fanáticos que fazem ali me irritam um pouco. Uma vez colocaram uma receita de bolo entre as fotos de algum famoso e daí disseram em baixo "vocês nem repararam no que tá escrito né? tão muito ocupadas com as fotos". Eu achei isso tãããão estúpido.

Outra coisa que me irrita: As maria-colírios, tipo do nada chega um monte de meninas achando que tão arrasando fazendo vídeos pros amores platônicos da suas vidinhas patéticas e acham que tão arrasando, que tão fazendo algo super pop.

Eu não sei se os colírios são algo bom ou ruim. No início era bom pra mostrar que existem garotos bonitos, tipo, garotos de verdade, que podem estudar no seu colégio, que não são famosos, nem atores, nem cantores, mas os seres humanos do sexo feminino simplesmente NÃO TÊM a habilidade de admirar alguém sem transformá-lo inconscientemente numa celebridade.

Também vale acrescentar que a capricho usa MUITO fotoshop nos meninos. O dudu surita teve um casinho com uma conhecida minha e ela fez um album pra ele. Gente, ele é um PIRRALHO. Não tem nada de especial, muito pelo contrário (ele tem um bracinhos fiiiinos).

Eu não sei nada dos colírios esnobarem as meninas nem nada assim, eu só sei que eles devem gostar muito da atenção que estão ganhando e de virarem pseu-celebridades. Fala sério, aparecer 500000000000000 seguidoras no seu twitter, dando em cima de você noite e dia deve ser ótimo pra auto-estima, né?

sábado, 21 de novembro de 2009

The Sad Blue eyes parte 2

Eu e Alana estávamos andando para a minha casa algumas semanas depois.

Alana estava reclamando do professor de história idiota que lhe deu nota baixa e eu apenas escutava, feliz por ter tirado uma nota normal.

Depois do primeiros dia de aula, eu e a garota dos olhos azuis tristes, quer dizer, a Alana, nos tornamos boas amigas. Sabe quando duas pessoas simplesmente se dão bem, sem esforço? Essas éramos nós.

Alana tinha estado bem triste naquele dia é verdade, eu até hoje não sei porquê, mas na maior parte do tempo, ela costuma honrar seu signo de Escorpião, sendo mandona, sexy, misteriosa, meio chata, revoltada e a melhor amiga de todas.

Mas eu não sei se a última parte tem alguma coisa a ver com Astrologia.

Estávamos indo para a casa da Alana. Era uma casinha básica, de três andares, zilhões de quartos, um jardim enorme, que dava para ver a kilômetros de distância. Só o estritamente necessário sabe?

Desque eu soube que a Casa do Jardim Francês (que ganhou esse nome por causa do enorme jardim lindíssimo que tem ali - e que a mãe dela planejou, fez e cuida) é dela, eu meio que fico me perguntando como ela se sentiu quando foi à minha casa. Média, normal, com três quartos e uma só uma árvore no jardim. Ela deve ter se sentido meio claustrofóbica.

Um grupo de garotos passou pela gente e acenou para Alana, ela retribuiu os acenos educadamente e continuou a reclamar. O modo como ela lida com as cantadas mais vulgares e o modo como os garotos começaram a me notar desde que eu comecei a andar com ela, sempre me surpreendem.

Alana é basicamente a garota mais popular da escola. Linda e blá blá blá, todo mundo beija os pés dela e o chão por onde ela passa. E o modo como ela ignora e despreza todas suas seguidoras e seguidores, torna ela ainda mais popular.

É meio assustador na verdade.

Chegamos a casa dela. Não vou nem tentar descrever a sala.

A coisa interessante do dia, acontece quando estávamos quase chegando ao quarto dela.

Um garoto mais velho, que é totalmente a cara da Alana, sai do quarto ao lado e acena para nós.

- Olá garotas. - Ele diz sorrindo e desce a escada em direção à saída.

Ah, eu esqueci de comentar, a Alana tem um gêmeo idêntico, o Nicolas.

Ele é totalmente igual a Alana ou seria, se ela sorrisse mais. Ele é igualmente sexy. Ele tem duas covinhas que eu não sei se a Alana tem porque ela não sorri muito. Ele é inteligente, quer ser fotógrafo, adora cavalos, é campeão de hipismo e a única pessoa que eu conheço que cavalga melhor que a Alana, ele tem uma égua muito estranha de corpo preto, mancha enorme branca na cara, olhos azuis e crina loira chamada Cho (a Alana me disse que ele tem uma queda pela Cho Chang de Harry Potter), a banda favorita dele é Cobra Starship...

E eu sou totalmente apaixonada por ele.

sábado, 14 de novembro de 2009

500 dias com ela

Enquanto eu escrevo, quero dizer, digito, o relógio do computador marca 00:22.

Sabe o que eu adoro fazer?

Eu adoro fazer coisas inusitadas. :B
E decidir as 21:00 que eu vou ver um filme às 22:00, fazer isso num cinema que eu nem sabia que existia, ir com a minha mãe (que foi oficialmente abolida do meu calendário social assim que eu fiz 14 anos) e ainda ver um filme que eu estava LOUCA pra ver mas achava que já tinha saído de cartaz, é algo totalmente inusitado.

O filme que eu fui ver se chama 500 Dias Com Ela.

O nome em inglês é mais legal, se chama 500 days of Summer. O duplo sentido é que, não é só verão a estação, o nome da garota em questão é Summer.

Entendeu?

É, bem, vamos ao básico da coisa:


Tom (Gordon-Levitt) é um homem muito romântico. Ele acredita em destino e no Primeiro Amor e também acredita que só será feliz quando achar sua alma gêmea. Summer (A fantástica, super incrível, mega linda Zooey Deschanel) é ao contrário, ela não acredita em amor desde que seus pais se separaram.

Tom se apaixona perdidamente por Summer no primeiro momento em que a vê, ela é assistente do chefe da empresa de Cartões em que ele trabalha (sabe aqueles cartões que dizem "Parabéns pelo bebê", "Meus Pêsames" ou "Feliz dias dos namorados"? Ele é um dos caras que escreve as frases escrotas que tem lá dentro) e é super bonita.

Qualquer outro filme seria um-garoto-encontra-garota, mas esse filme não é qualquer filme.


Para começar, ele tem um humor super diferente, cenas super bem boladas, personagens super interessantes e diferentes, atores ótimos e é bem esquisitinho. Mas um esquisito bom sabe?

A história não é uma linha reta, no meio tem uma espécie de contador que vai dizendo em que dia você está. O número vai pro dia 1, mostra a cena, e daí vai pro 440 ou pro 13. Raramente segue do 30 pro 31. Acho que foi na crítica da Veja que eu vi "como se estivesse folheando um livro".

Mas, não se preocupe, o filme não é cofuso, e não tem mistérios. É fácil e gostoso de ver e vai fazer você sair de lá querendo se vestir como a Summer e baixar toda a trilha sonora do filme.

Outra coisa que chama atenção no filme é o figurino das pessoas, se você gosta de moda vai ficar vidrado na Summer. Não é nada super incrível e glamuroso que nem Gossip Girl, é, como todo o resto do filme, um esquisito bom.
Tudo é diferente, mas é tão bem feito que é impossível não gostar.

O final é inusitado, como tudo no filme, mas um final que na maioria dos filmes acaba sendo trágico, irritante e triste, esse filme faz parecer a coisa mais fofa e o final mais perfeito.

Recomendo a todos 500 dias com ela, vocês não vão se arrepender. ;)

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Post ecológico da vez: Já ouviu falar dos 4 R's?

  1. Reduzir
  2. Reutilizar
  3. Reciclar
  4. Repensar

Se vocês estão estranhando ser quatro R's e não três, é que Repensar é novo. Foi feito para nós, consumistas de plantão que saem comprando todas as blusinhas do shopping - e não usam nem metade depois.

Aqui vão algumas dicas super básicas para vocês se tornarem sorveteiros mais verdes (ou, se você ler a capricho, mais pink):

Reduzir

Use os dois lados do papel.

Acho que todo mundo faz isso normalmente, maaaaaas e na hora de imprimir? O___o

Nã-na-ni-na-não, não vale dizer que só porque você imprimiu não vai usar os dois lados. Essa desculpa não é válida.

Pra imprimir os dois lados, é meio TENSO. Tipo, você tem que salvar cada página da sua pesquisa em um arquivo diferente e imprimir uma de cada vez.

Impri-i-i-i-i-me, troca pro próximo arquivo, vira a folha, impr-i-i-i-i-me e por ai vai até terminar o trabalho.


Como eu sou muito corajosa e dedicada, faço isso em todos os meus trabalhos. :B

Alguns professores não deixam você fazer isso e tiram nota (eu tinha uma professora que tirava, mas ela era do mal). Mas, sinceramente, quem liga? Normalmente tiram 0,5 da nota final e dão a você mais uma desculpa para fazer um trabalho M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O.

Reutilizar

Meu professor de educação ambiental disse que esse é o 'R' que mais dá problema porque reutilizar costuma ser sinônimo de anti-higiênico. --'
Temos que REUTILIZAR com bom senso né povo? Todo mundo já sabe que seringa descartável.

Exemplos de reutilização com bom-senso:

Você comprou uma garrafinha de água no posto. Quando termina, você joga fora né?

Em vez disso, tire o rótulo e use pra matar a sede na próxima excursão da escola.

E sabe os seus cadernos? Já reparou que alguns cadernos a gente usa muito pouco?

Se você reparar que não usou quase nada de um caderno, faz assim: Arranca as páginas usadas, guarda elas dentro do livro, bem organizadinho, e reutilize o caderno no ano seguinte. :B

Pode usar cadernos velho de diário que nem eu faço.

E sabe os albuns de figurinhas que você tinha quando era criança? Sabe as figurinhas repetidas que sobraram? Cole-as em algum lugar! Certo que colar as do album do Pokémon é difícil, mas será que não tem nenhuma figurinha legal? Nenhum colante? (desafio você a dizer que não trocava colantes quando era pequena) Dá uma super-garimpada no maleiro criatura!

Reciclar

Somos uma VERGONHA quando se trata de reciclagem! Nem 3% do lixo brasileiro é reciclado!

Todo esse lixo vai para aterros, que vai ter um cheiro dos diabos, vai poluir os lençóis freáticos, criar chuva ácida, e em alguns casos poluir até o mar.

Reciclagem foi invetada por um motivo!

Repensar

R acrescentado especialmente para os consumistas. Que honra né gente?

Aqui vai a minha dica para vocês que compram demais:

Veja todas as lojas antes de comprar
, NÃO PERCA O FOCO, seu bolso vai sofrer e seus pais vão gritar com você.

Se você estiver em dúvida de levar ou não, faça assim: Se pelo resto da tarde, do dia, não sei, você pensar naquela blusa ou calça, volte lá e compre, se você simplesmente esquecer do assunto, você não precisava dela e significa que o lugar dela no armário de outra pessoa.

SEMPRE FUNCIONA. Pelo menos para mim.

Vamos ajudar o nosso mundinho!

Mãos a obra sorveteiros!

E vocês viram aquele apagão? :O Eu TAVA ESTUDANDO FÍSICA NA HORA! Não estudei nem metade da matéria antes da luz cair :_( E a minha professora de português tava numa festa de criança durante o apagão! Ela quase enlouqueceu com as crianças em pânico. Vocês estavam aonde?

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Irritações

CERTO.

HOJE É DIA DE UM POST TOTALMENTE #REVOLTS!
Eu acho que todo mundo conhece aquele grupo de meninas. Aquele que você quer estrangular pelo menos uma vez por dia.
Não conhece um bando de garotas assim? :O

Então, só há três opções:

  1. Você tem o nível de paciência de um santo

  2. Você é um super-mega-ultra sortudo que não tem um grupo de meninas cujo único objetivo é fazer seu cérebro fritar com as gargalhadas irritantes que elas dão.

  3. Você é uma delas.

A mídia mostra elas assim:
Fofas, inocentes, legais, diferentes, mas amigas, aquelas que duram a vida toda.

MAS ISSO É UMA MENTIRA!

Na realidade, elas são um grupo enorme e fechado que cria uma bolha em volta delas e parece ter seu próprio universo. Elas riem demais, falam demais e fazem tudo isso alto demais. Elas se isolam do resto da turma por vontade própria, sentam sempre juntas, quase não conversam com quem não é do grupo, raramente deixam alguém entrar e tem sempre um monte de piadas internas.

O resto do mundo acha elas chatas, com raras exceções.

Deve ser muito legal ter amigas assim. Tipo, sempre juntas, saindo direto, uma por todas e todas por uma...

É, bom, eu tenho as minhas dúvidas.

Ter amizade é ótimo. Mas quando você e suas BFF's têm a mania de se isolar, a coisa vira um problema.

Especialmente porque os bárbaros começam a achar que vocês são formadas de um só cérebro e um cérebro burro porque as risadinhas altas e finas são característica crucial do estereótipo da menina burra.

Ah, não! Acha que pode ser uma desses seres irritantes? :O NÃO ENTRE EM PÂNICO. Olhe as caracteristicas aqui e tire a dúvida:

  • Você tem, tipo, 6 ou 7 BFF's, não sabe qual escolher.
  • Vocês estão SEMPRE juntas.
  • Vocês saem sempre juntas.
  • Raramente sai alguém junto com vocês e quando isso acontece, ele/ela não costuma falar muito ou não entende do que vocês estão falando.
  • Vocês adoram rir das outras pessoas, se está usando um sapato horroroso, ela vira a piada do dia. Mas só entre vocês.
  • Quando vocês encontram com a pessoa de novo, olham uma pra outra e mal conseguem segurar a risada.
  • Às vezes você nota alguém olhando feio pra você, ou sua amiga, ou todas vocês. Mas ninguém liga porque ele é um idiota.
  • O item anterior acontece com frequencia.
  • E todos são idiotas.
  • Vocês falam mal uma das outras - mas sem maldade.
  • Vocês não costumam falar com quase ninguém fora do grupo.
  • As pessoas se sentem desconfortáveis perto de você.

Assinalou a maioria? Assinalou os dois últimos? Assinalou o último e tem certeza absoluta que não tem cheiro de meia velha nem hábitos constrangedores? Ui. Cuidado, você pode ser parte do grupo das maiores manés do ano sem saber disso. XP

Tem Clube do Travesseiro do Mal na sua classe? Aqui vai OUTRA lista pra te ajudar nessas horas difíceis:

  • Sente longe delas. Como elas riem o tempo todo, você vai ficar pensando se estão rindo de você ou então não vai conseguir ouvir mais nada por causa do barulho que elas fazem (e o zero em matemática depois vai ser ÓTEMO).
  • Não se irrite, não brigue. Seja educado e gentil e calmo, por mais que por dentro você esteja rangendo os dentes e pensando em jogá-las pela janela. Ficar braco vai te dar fama de chato e vai te tornar alvo das piadas.
  • Não ligue para as piadas, nem para os apelidos.

E... É isso. O__o É difícil conviver com elas. Quando são só duas amigas isoladas, ninguém liga, mas quando o grupo é grande, a perturbação é grande e daí a coisa pega. XP

E ai, alguém tem outras dicas de como lidar com Clubes Da Luluzinha do Mal?

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Glee

Tenho certeza absoluta que todos os sorveteiros aqui já ouviram falar de Glee.

Nem é preciso ser um super antenado (como eu tenho certeza que vocês são) para saber da série, só é preciso ler O Fantástico Fusca Verde e ler a Capricho.

Eu, pelo menos, sempre vejo propaganda da série, mas nuca me interessei (vivendo e aprendendo né?) e daí, depois que acabou The Simpsons, começa Glee Primeiro Episódio da Primeira Temporada. Ah, vou ver né. :B

Glee, gente, é um High School Musical 100000000000000000000000% melhorado.

Um professor (loiro super gato que tá aqui do lado debaixo da loira com cara de antipática) decide fazer um coral. Mas só se inscrevem 5 pessoas que são tipo, os maiores loosers da escola.

Esses loosers.

Chamo atenção para os personagens que mais me chamaram atenção:

O coral de Glee é formado pelos loosers, como eu já disse, e esse ai em cima é o gayzinho do grupo.

Por que eu simpatizei por ele logo no primeiro episódio?

Porque ele canta como uma mulher.

Mas de um jeito bom. Aliás, ótimo.

Se ele fosse de verdade, provavelmente ficaria super famoso, justamente por ser tão bom e tão estranho, tipo a Lady Gaga sabe?

O personagem de baixo com cara de nerd, é o nerd do coral.

Por que eu gosto dele?

Primeiro porque eu morro de pena. Além de ser nerd em todos os sentidos, o coitadinho ainda anda numa cadeira de rodas. :( E ele é suuuuper zuado. :(

Segundo porque ele toca guitarra MUUUUUUITO BEM! E também canta muito.

Essa é a protagonista idiota que eu odeio. Ù_Ú

Porque eu coloquei a infeliz aqui então?

Justamente pelo fato dela ser tão idiota e ser a protagonista.

Logo no começo do episódio ela já começa falando que se você não é famosa você é um verme (ñ c essas palavras mas deu pra entender o sentido) e bem quanto mais a série andava, mais idiota ela parecia.

Vocês vão entender quando virem Glee!!!!!

Aqui tá o link do vídeo da primeira apresentação decente da série e aqui o link de um canal que tem todas as músicas que a minha super amiga que adora Glee me passou. :D

P.s.: Eu sei que eu devia por o vídeo, mas to com preguiça de esperar mó tempão aqui. XD

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

video

video

WTF IS THAT????????

Será que alguém já tinha visto essa notícia? Eu só vi ela agora há pouco.

Enquanto eu via o vídeo no Youtube, eu senti o meu queixo cair até o umbigo.

Gente, mas que vergonha. Sério, que vexame. Tá ai uma faculdade em que eu nunca vou querer estudar.

Pra quem não entendeu a notícia, ou ainda não acredita no que viu, vou explicar: Uma estudante de turismo de uma faculdade, foi com um vestido (muito) curto e apertado para a escola. Eu não sei exatamente como, as coisa cresceu até virar as imagens que vocês viram ali em cima. TODOS (repito: TODOS) os outros alunos caíram em cima dela, xingando-a de puta, falando que iam estuprá-la... Chegou a tal ponto que ela teve que se trancar em uma sala para se proteger e só conseguiu sair de lá escoltada pela PM (que teve que afastar estudante com spray de pimenta).

Agora eu me pergunto:

Que tipo de neandertais estudam nessa universidade para fazer ISSO?

Quem lê esse blog sabe que eu sou muito ligada em moda e que seria uma das primeiras a chamá-la de puta quando visse o que ela estava usando (me desculpe, mas aquele vestidinho curto E apertado com aqueles sapatos horrorosos não dá), mas eu NUNCA seria um desses macacos sem cérebro que ficavam gritando 'puta, puta' lá em cima.

Esse tipo de coisa pode traumatizar a garota para a vida toda! Uma facultade inteira, centenas de estudantes chamando ela de puta, ameaçando estrupá-la, fazendo com que ela se trancasse numa classe e tivesse que sair do lugar escoltada pela PM com um jaleco de professor.

Agora, uma bronca pra vocês sorveteiros:

Sorveteiros do sexo masculino: Eu sei que não são todos os garotos que fazem isso, que tem uns moleques muito decentes por ai, mas eu TENHO que falar!

Só porque a mulher está com um vestido horroroso desses não te dá o direito de xingá-la de puta e MUITO MENOS de ameaçar estrupá-las.

E sorveteiras do sexo feminino: A bronca pra vocês é maior. Naquele vídeo lá em cima tinha mulheres também. Filmando, humilhando e xingando. SERÁ QUE NINGUÉM VIU MENINAS MALVADAS??? Será que ninguém prestou atenção no final??? BEM, então eu vou repetir: Quando nós chamamos umas as outras de putas, só damos aos meninos razão para chamar também!

Fiquem sabendo que ser puta TAMBÉM é profissão. Mesmo que não seja tão digna, mesmo que não costume ser seguida por motivos dignos. As putas também são gente, essa garota ai em cima, sendo hostilizada e humilhada também é gente.

É por motivos assim que o Brasil não vai pra frente. Dentro das nossas faculdades, que deveria ser lugar de aprendizado e de confraternização acontece porcarias desse tipo.

E se dependesse de mim, todos os estudantes do vídeo estariam reprovados e proibidos de estudar em qualquer outra faculdade.

terça-feira, 27 de outubro de 2009

O Dilema Das Tomadas

Alguém já ouviu falar das tomadas novas?

Não?

Bem, não se preocupe você não vive em Marte, só não vive no Brasil (ou não presta atenção nas notícias nacionais como 90% dos adolescentes daqui).

A coisinha feia ai em cima é o novo modelo de tomada implantado aqui no Brasil.

Mas não culpe os donos das lojas de eletrodomésticos pela mudança. Quem mudou a tão acertada decisão foi o nosso querido senado.

Note a ironia na parte em itálico.

Na tomada nova só encaixam pinos redondos (óbvio), tem só três pontinhos.

Essa ai é a tomada universal, presente na maioria da casa dos brasileiros, e na verdade, na maior parte das casas da maior parte dos países no mundo.

Curiosidade: ela é chamada universal porque nela cabem pinos chatos e redondos então um número maior de plugs encaixa nela.


E ainda bem que eu não estou me mudando agora, porque seríamos obrigados e trocar todas as tomadas da casa E comprar um adaptador porque o carregador do meu celular tem pinos chatos.

Um aviso: Se algum dia algum sorveteiro decidir se tornar político ou coisa assim, lembre-se de não mexer TANTO na vida do povo. Só o estritamente necessário, ou você vai acabar sendo odiado, atrapalhando as nossas vidas, dificultando o comércio internacional e tendo idéias muito retardadas como essa ai.

sábado, 24 de outubro de 2009

Temporada De Moda Capricho

Alguém já viu o Temporada de Moda Capricho?

Eu vejo toda quarta-feira, mas não conheço ninguém mais que faça isso.

Bem, eu acabei de ver o programa e estou inspirada então vou fazer uma crítica da série:

O programa tem seus altos e baixos - mais baixos do que altos na verdade.

Temos que dar um colher de chá porque é o primeiro editorial de moda no Brasil - e a Capricho merece os parabéns pela iniciativa.

Mas o programa tem um caminho (bem) longo a percorrer.

A começar pelo prêmio: Um estágio na Capricho?

Deve ser super legal mesmo pra um estudante de moda ganhar um estágio na capricho, mas pra por na tv, não é exatamente emocionante.

O estudantes de moda que participam do programa mais erram do que acertam.

Cada Episódio tem um tema.

Nos dois episódios mais importantes, Estilo Para Conquista (leia-se: roupas que os meninos amam na gente) e Vestidos de Fe sta, os looks foram absolutamente ridículos.

A apresentadora, Adriana Yoshida, reclamou com os participantes nos dois episódios.

No primeiro, todos ficaram românticos ou adultos demais e no de hoje, o de vestidos de festa, nossa, senti até vergonha pela Capricho, porque os jurados não sabiam nem o que fazer de tão sem noção que ficou.

As músicas do programa são boas, mas são sempre as mesmas.

Lies do McFly, It's not Fair e The Fear da Lily Allen, Hot n' Cold da Katy Perry SEMPRE.

O programa é mal editado.

Algumas partes passam rápido demais, como a opinião dos jurados. Hoje, chegaram a cortar a opnião de uma delas.

Às vezes os participantes dão opinião sobre os looks também, mas nos últimos episódios, as falas são só soltas no ar, mostrando a cara do participante que está falando só por um segundo.

Os looks que os participantes fazem também são filmados só por, tipo, 5 segundos, você nem vê direito, e daí já mudam de cena.

O que é bom:

A apresentadora, Adriana Yoshida é super legal.


Ela é gentil, carismática e até meio engraçada. Ela sabe quando dar bronca e quando elogiar e faz tudo muito bem e com muita classe. :)

Esse é o primeiro programa que ela apresenta e faz isso muito bem.

O Ateliê:

Gente, aquele ateliê é DEMAIS.

Tem roupas por todos os lados e é super descolado dá gosto de ver o program a só por causa dele.

Uma suspeita minha:

Alguém que vê o programa, por acaso reparou que os participantes são suuupeer arrumados?

A maquiagem é perfeita, o cabelo não tem nenhum fiozinho fora do lugar, muitas roupas na moda, tudo impecavelmente impecável... Eu sinceramente acho que eles tem um ajudante pessoal pra cada um porque é muuuito perfeito.

Para concluir:

A nota final é 6.

Então, eu digo para ver o pograma, mas mais por curiosidade sem grandes expectativas.

E aqui alguns sites que podem interessar a vocês:

O blog da super fofa Adriana Yoshida

O site da temporada de moda

Beijão gelado para os meus sorveteiros.

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Dilema Alimentar

Não, eu não estou falando de dieta, mas pode se dizer que esse post tem haver com calorias e nutrição. XD

Em toda escola tem cantina, certo?

E toda cantina tem mistinho, certo?

nota: mistinho é uma massa de pão que recobre uma ínfima quantidade de presunto e queijo.

Bem, na minha escola tem mistinho, e ele é a segunda pedida favorita de todo mundo.

A primeira pedida é o croissant de presunto e queijo.

Se tudo é pão, porque o povo gosta mais de croissant?

Bem...

O mistinho tem uma massa DESTE TAMANHO que não tem presunto nem queijo. E que ninguém gosta.

O croissant não, ele tem beeeem menos massa sem utilidade.

Mas, bem vamos ao dilema:

Essa massa do mistinho que não tem presunto nem queijo, não é exatamente apreciada pelas meninas (eu entre elas) é muito comum você ver uma menina tirar pedaços de pão do mistinho e jogá-los direto no lixo - e depois comer o mistinho. Agora com uma quantidade de pão proporcional ao recheio.

Concordam que isso é o maior desperdício?

Na África tem lugares em que as pessoas passam um mês inteirinho sem comida nenhuma (UM MÊS INTEIRO!!!!!!! 31 DIAS EM UM PRATO DE COMIDA NA SUA FRENTE!), e a gente, que tem comida a vontade, vai lá e joga uns pedacinhos de pão inúteis no lixo.

Só porque tá lá, não quer dizer que eu sou obrigada a comer - mesmo porque se empanturrar de comida também faz mal.

Mas jogar fora a comida é muuuito ruim. :(

Não é irritante?

Alguém tem alguma opnião sobre o assunto?

domingo, 18 de outubro de 2009

Marias Colírios

Tá ai um assunto muito irritante.

Não sabe o que é uma Maria Colírio? :O

Maria Colírio, meu caro sorveteiro-gafanhoto é uma menina que acha os meninos gatos da Capricho são perfeitos e nutrem um amor platônico por eles.

E nessa paixão-ridícula-e-desmedida, elas acabam fazendo coisas assim:

video

Eu mesma, conheço uma outra garota que fez um vídeo (que eu to me coçando pra postar aqui também, mas eu já to me sentindo tão bitch postando só esse), mais ou menos assim, só que bem, não tão ruim.

O que ela fez: Escreveu uma música pro Federico, que declarava seu amor por ele e como o coração dela batia forte quando via uma foto dele na Capricho. No processo, ela desafinou e errou algumas notas.

O que as Maria Colírios não percebem (na hora, pelo menos) é que essas declarações de amor que elas fazem são o maior mico. E do pior tipo.

O problema não é bem os garotos da Capricho verem (até porque, o objetivo é esse) o problema é o MUNDO ver.

Quando você coloca um vídeo no Youtube, você está sujeita não só a aprovação como ao ridículo. Nem todo mundo vai elogiar, nem todo mundo é uma pessoa gentil que vai dizer 'ai que graciiinha, ela tá apaixonada por um garoto que ela nunca vai ver na vida. ooouuun', na verdade, é bem mais provável que o povo só ria horrores e que você vire mais uma piada da internet.

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Alguém pode por favor...

... me dizer porque as escolas insistem em não ter aula na quinta (dia do professor) e depois dar dia normal de aula na sexta se TODO MUNDO sabe que nem metade da classe vai aparecer?
Sério, que coisa mais irritante. Quase ninguém aparece, mas os professores têm que dar matéria do mesmo jeito.

Se algum dos 15 seguidores desse blog for um professor, fique sabendo: O único jeito de fazer um número considerável de alunos irem à aula depois de um feriado é dando prova no dia.

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

A mais nova vítima da inclusão digital

Gente, eu sucumbi à nova modinha global:

Criei um twitter.

Se alguém se interessar é: www.twitter.com/mazonis

Bem, eu até que estou me divertindo naqueles testes e nas coisas idiotas que algumas pessoas dizem, maaaas eu agora estou com outra encanação.

Além do twitter, eu tenho myspace, orkut, e todas essas porcarias digitais, e eu não gosto de por a minha vida na web. :P

Dos meus logins, eu só uso os três citados acima. Mas além disso tem vários outros que eu fiz e não uso, MAS que não tem como cancelar.

Eu posso mudar as informações e talz, mas ainda tá ali, sabe.

Alguém já ouviu falar que a internet é um grande gravador que roda sem parar?

Então sorveteiros, pense bem antes de fazer login em todo site que aparece, primeiro é bom descobrir se você vai poder cancelar a conta depois. :)

Agora, vamos deixar meus nervosismos de lado e vamos à notícias mais alegres:

Temos sites novos aqui na sorveteria!

O Te Pego Às Sete é o meu novo blog favorito. É muito engraçado. E como é composto de sete garotos diferentes, as postagens são bem variadas.

E também tem o It Girls. Esse site dá dicas de moda, beleza e outras coisas de mulherzinha pra você ser uma boa it girl. Mas CUIDADO, o site exagera muitas vezes, então não siga todas as dicas.

Ah, as cores do blog também estão diferentes! O que vocês acharam? *_* Algumas cores estão muito claras, será que tá incomodando alguém?

E quem quer me seguir no twitter? :D

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Lily Allen


Olha, ta aí uma cantora que eu nunca imaginei que ia gostar. O_o

A Lily é uma das minhas novas cantoras favoritas, no momento, deu a louca em mim e eu baixei umas vinte músicas dela de uma vez.

Pra quem não conhece, Lily Allen é uma cantora inglesa, conhecida pela música Smile e The Fear, pelos seus escândalos, pelo seu peso titubeante e por ter pintado o cabelo de rosa.

Tipo, eu sempre via o nome dela por ai mas nunca tinha ouvido direito uma música dela. Eu detesto Smile, mas mesmo gostando de The Fear, nunca prestei atenção.

Apesar dos fashion-crimes e da fama de garota-problema, a Lily tem uma voz muito suave e bonita e as músicas são muito legais.

As letras são bem diferente das músicas de outros artistas. A maioria fala do namorado ou ex-namorado e só arranja assuntos e jeitos novos de cantar isso, a Lily Allen não, ela escreve músicas com um tema completamente inusitado e criativo.

Exemplos disso são Alfie, 22 e Friday Night.

A batida da música também é muito legal, porque são muito originais e muito diferente entre as músicas. He wasn't there tem estática para parecer música antiga e Never Gonna Happen junta sanfonas e palmas.

Acho que é justamente esse o motivo dela não ser tão famosa, as músicas são diferente demais e o pessoal entranha, eu mesmo não gosto de todas elas. :(

A Lily Allen não é a minha pessoa favorita, adimiro toda essa personalidade que ela tem, mas aquele jeito de drogada não inspira simpatia.

ENTÃO:
VOCÊ está procurando material novo?
Músicas com letras CRIATIVAS e INOVADORAS?
Com batidas INTERESSANTES e DIFERENTES?
Cansada(o) dos Jonas Brothers e das Disney-girls?
LILY ALLEN É O QUE VOCÊ ESTÁ PROCURANDO!

E aí? Convenci alguém? Se interessaram pela Lilylizinha ali em cima?

p.s.: ontem eu fui ver Sequestro do Metrô 123, o filme é uma porcaria, não cometa o mesmo erro que eu. Comecei a escrever uma crítica, mas ficou horrível. XP

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Jenny Humphrey X Taylor Momsen

Primeiro: Eu ADORO a Taylor.
Bem, se tem uma coisa que já foi muito falada foi o estilo da Little J. No começo da primeira temporada, o estilo dela era toda menininha:

Eu não consigo publicar a foto, por isso olhe ela aqui.

Bem romântico e não tão fashion quanto o dos outros personagens. Cabelos longos, saltos baixos, muitas sapatilhas, muitos vestidos, muita cor, meia calça colorida, esmalte descascado, bem garota de 14, 15 anos mesmo (bem parecido com o meu, pra falar a verdade).

Daí, no final da primeira temporada, ela briga com a Blair pelo posto de Queen Bee e o estilo dela muda pela primeira vez:


Como todas as seguidoras da Blair, o estilo é bem romântico e bem... Blair. Os cabelos agora são de um comprimento médio e quase cacheados, muitas tiaras, o uniforme fica mais personalizado, as roupas mais adultas, os saltos um puco mais alto. E tudo de marca também.

Daí, temos a fase rebelde da Little J.:


As cores somem, o preto reina, às vezes combinado com outras cores escuras, a maquiagem agora não é leve, é constituída de muita sombra preta, lábios apagados, pó bronzeador e blush, o cabelo também fica um tom de loiro mais claro e ela corta franja (horrorosa!). Eu chamo de Punk Romantico.

Daí o estilo vai ficar cada vez menos romântico:


A maquiagem já não é mais tão forte, os lábios não são tão apagados, a raiz mais escura começa a aparecer, cada vez menos cores e cada vez mais preto, também entra mais couro. O estilo já não é mais romântico e, infelizmente, ela mantém a franja.

Esse é o estilo atual:


Não se engane pelas pérolas, não tem nada de romantico na nova Queen J. O cabelo continua mais claro, só que agora está longo de novo, meio cacheado, meio com cara de estragado, a franja agora é decente. Não tem quase nenhuma cor além de preto e branco, muito couro, muitos saltos altos, muitas perguntas minhas de como ela aguenta o calor do começo da série com todas as roupas pretas que ela usa. O estilo final da Little J. é o punk rock. :)

Agora a pergunta: Foi o estilo da Little J. que influenciou o estilo da Taylor, ou o da Taylor que influenciou o da Little J.?

Bem, eu digo que foi o estilo da Taylor que deu a idéia pro estilo da Jenny.

Antes da evolução do estilo, ela fez ensaios assim:

E em outras fotos, você repara detalhes como essas botas:


E bom a Taylor nunca me pareceu a pessoa mais simpática do mundo nas fotos que eu vi dela, o que certamente combina com um estilo punk. E, se isso conta alguma coisa, nas primeiras temporadas, ela usava muito esmalte preto.

Post inútil que eu adorei escrever. Espero que eu receba pelo menos um comentário. XD

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Se sentindo bella Swan

One-shot escrita durante a aula de matemática. Tenho uma idéia de continuação, se alguém quiser eu faço.

Primeiro dia de aula, agora ela sabia como se sentia como Bella Swan em Crepúsculo: Todo mundo estava olhando para ela.

E olha que aquela cidade não era nem de longe tão pequena quanto Forks.

Finalmente chegou à sua classe. Achou um lugar encostado na parede. Mesmo sentando bem isolada, às vezes ainda sentia os olhares. Como ela queria ter a parede de cabelos da Bella agora.

Os professores também pareciam interessados nela. Ou pelo menos essa professora loira irritante estava. Animada demais, a professora deu boas vindas fervorosas para ela antes de começar a aula.

Mais tarde, ela percebeu que só tinha uma menina que não estava olhando para ela.

Ela estava sentada dois lugares mais distante, um pouco mais na frente.

Depois de pensar tanto em Bella, o comportamente quieto e isolado da garota, junto com sua pele muito branca faziam ela parecer uma vampira.

Ela vestia uma blusa de manga compridas preta, jeans bem azuis e tênis brancos simples da Puma. Ela era bem magra e tinha longos cabelos pretos.

A menina que parecia uma vampira pareceu sentir que estava sendo observada porque se virou para ela.

O rosto da menina era meio redondo, os lábios eram finos, o nariz pequeno e delicado, as sobrancelhas eram finas e altas, quase aristocráticas, e a testa era grande.

Ela não era uma vampira, é obvio. O rosto dela era estranho demais, difícil de decidir se era bonito ou não.

Mas o que chamava atenção de verdade eram seus olhos. Grandes e azuis. Tão sem melanina quanto o resto do corpo.

E eram olhos tão tristes...

sábado, 3 de outubro de 2009

Copa do Mundo


GENTE, a copa do mundo vai ser no Rio de Janeiro!

:O

Isso é motivo pra comemorar, não é?
Não é?

Então por que eu não estou feliz?

Talvez porque enquanto eu penso no Rio, eu lembro da cidade maravilhosa, mas também lembro de todos os terríveis problemas de violência que ela tem. E que ninguém faz nada para resolver. A droga da favela ainda tá ali e crescendo cada vez mais.
Penso também no SUS e sua linha interminável de pessoas.


E daí eu chego a conclusão:

Eu não estou feliz. Nem um pouco. A melhor palavra para me descrever é apreensiva.

A gente não tem a mínima estrutura pra ser a sede de uma copa do mundo! Temos ônibus super lotados e perigosos, uma Amazônia que é desmatada cada vez mais rápido, animais em extinção que não são devidamente protegidos, temos escolas decadentes e hospitais ainda piores.

O que vai acontecer quando todo o mundo voltar os olhos para o Brasil, que besteira o Lula vai dizer? Quem vai ser morto por um tiro perdido de um traficante? Quanto dinheiro vai ser desviado?

Conhecendo o meu país e o meu governo, que não consegue nem fazer transporte público digno de seres humanos, que tipo de super abertura a la copa do mundo vai sair?

Boa sorte para nós.

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Cuidado com o lápis de olhos borrado

Na escola a gente vê pessoas de todos os jeitos, né?

Altas, baixas, feias, bonitas, lindas, inteligentes, esquisitas, que parecem antipáticas mas são legais, que parecem antipáticas e são antipáticas...

Bem, hoje enquanto conversava com uma amiga minha, e eu reparei um negócio nela que eu reparo em muitas meninas...

Eu não sei explicar direito, eu só sei dizer que ela tem o aspecto de estar sempre suja (mesmo de banho tomado).

Vou explicar:

A J. tem cabelo preto e comprido. Ele seria muito bonito se as pontas dele não estivessem todas quebradas e não parecesse que ela não lava ele há dias.

Ela passa pó e lápis para ir à escola. Ela ficaria muito mais bonita se tratasse dos cravinhos antes de passar o pó, porque as junção dos dois faz parecer que a cara dela está cheia de areia. E também se passasse corretivo em vez de lápis, porque ela tem umas olheiras bem escuras e pra piorar o lápis escorre ao longo do dia, se acumulando em manchas escuras, borradas e molhadas embaixo dos olhos que destacam as olheiras.

E também podia ser um pouco mais educada e jogar o lixo NO LIXO à vinte passos de distância em vez de jogá-lo nas plantas do colégio.

Têm muitas meninas na escola que usam maquiagem, e com a maioria dá tudo certo, algumas ficam maravilhosas, mas outras acabam ficando que nem a J., que seria muito mais bonita se trocasse o lápis pelo creme para espinhas.

E o mais estranho é que ela vai no banheiro o tempo todo para se olhar no espelho e não repara nesse problema! Eu sei que nós temos que olhar as qualidades em vez de defeitos, mas ter consciência dos defeitos é importante para que você possa corrigi-los quando possível, o importante é não ficar encanada com eles.

Depois que eu reparei esse negócio da maquiagem borrada e do cabelo mal tratado na J. reparei em mais umas 4 ou 5 meninas.

Então alguns conselhos:
  • Se você não tem muito pique de manhã, é melhor não passar maquiagem, porque você pode acabar borrando ou passando demais e maquiagem mal feita não disfarça, só destaca os defeitos. E de um jeito terrível.
  • Lápis borra DEMAIS! Cuidado.
  • É MUITO melhor, ter um cabelo mais curto e saudável do que ter ele longo e quebrado.
  • Cuide da pele antes de pensar em maquiagem.

E é isso. Eu não sou íntima o suficiente da J. para falar dos problemas da maquiagem dela sem ofendê-la então eu to desabafando aqui. Eu não to dizendo para ninguém ficar reparando nos problemas dos outros, eu só to escrevendo para avisar que isso às vezes acontece. :)

Até o próximo post. beijos!

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Sorte de hoje:

Primeiro de tudo, a minha sorte de hoje no orkut:

A melhor maneira de se encontrar é se perder em benefício de outros.

WTF? O___o

Agora, o post:

Britney Spears.

É, a Britney-Bitch mesmo.

Vem cá, alguém já reparou que todas as músicas pós cabeça raspada dela são sobre SEXO?

Alguém já viu a tradução de If U Seek Amy e a letra de 3 (a nova música da britt)?

Certo, nem todas as músicas da Britch falam de sexo, circus por exemplo não fala, mas fala sério, por que todas as meninas e meninos tão querendo transar com a Amy? Que tem a criatura de tão especial que os feromônios de todo mundo ficam loucos? O__o

Gah, pelo menos é um pouco melhor do que aqueles gemidos que a Tati Quebra Barraco chama de música. ¬¬

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

No mundo da M. os ônibus são assim:

Vocês não têm idéia da quantidade de vezes que eu já ouvi a frase "Nossa como você reclama!" e todo mundo sabe que reclamar sem resolver não leva a lugar nenhum. Então, pra não ficar com fama de chata ATÉ aqui no blog, eu vou fazer um post sobre os ônibus de novo.

AS SOLUÇÕES TOSCAS DA M. PARA O TRANSPORTE PÚBLICO.
(lembrando que todas as soluções foram feitas por uma adolescente de 15 anos e dêem um folga para ela)

O problema do ônibus costuma ser o seguinte: ELE É MUITO CHEIO! Então vamos ver o que a minha imaginação em ebulição criou para resolver o problema sardinha-em-lata:
  • Ônibus escolar

O meu colégio é muito grande e muito bom, isso, somado às bolsas que ele dá, atrai pessoas até de outras cidades. Como esse povo volta pra casa? De ônibus.

Então, outro dia enquanto eu pegava o ônibus, 20 amigos meus vieram comigo.

Ficou tão cheio lá dentro que eu achei que ia morrer sem oxigênio.

Se os colégios públicos e particulares tivessem ônibus próprio, seria bom para o meio ambiente porque o povo não iria de carro e também tiraria todos os alunos dos ônibus normais.

Os americanos fazem isso e idéias boas foram feitas para serem copiadas (com os devidos créditos, claro).

  • Idem solução 1, só que para o trabalho

Se eu não me engano, a Petrobrás já faz isso.

É a mesma coisa, um ônibus que a empresa paga que leva todo mundo para o trabalho. Te pegam num ponto daquele ônibus e te levam direto para lá.

Não tem problema de arranjar vaga perto, o ônibus é bem confortável, não é cheio, todo mundo sentado, com cintos de segurança, você lê um livro, ouve Ipod, conversa com os amigos e outro cara dirige pra você, poupando seus pés cansados.

  • Bicicletas

Você sabia que em Paris, existem pontos de bicicletas?

É assim: em vez de pegar um taxi, você aluga um bicicleta.

É mais barato, você faz exercício, colabora com o meio ambiente e se todo mundo fizesse isso, teríamos ruas menos cheias de ônibus e carros (tornando menos perigoso andar de bicicleta).

  • Ônibus mais largos

Essa deve ser a pior das soluções, mas vale a pena postar.

Que tal por três bancos de cada lado, em vez de só dois? Alguém aqui sabia que é contra a lei andar de pé nos ônibus?

Ônibus mais largos tornam mais difícil dirigir (imagino que sim, né?), mas criam mais espaço para as pessoas do lado de dentro.

  • Mais ônibus

Se tiverem mais ônibus, vai ter menos gente dentro de cada um.

Tá, eu admito que essa "solução" também é bem idiota.

  • CINTO DE SEGURANÇA

Andar de ônibus é PERIGOSO. Se o cara bate ou dá uma puta brecada, você voa e quebra a janela com a sua cabeça. OU, melhor ainda, se você ficar conseguir ficar do lado de dentro do ônibus, todo mundo que tá de pé cai em cima de você, quebrando seus ossos e te deixando sem ar.

  • Metrô

Básico.

  • Carona

Dar carona para todas as suas amigas e exibir o som super potente do carro do papai.

E, é isso. Esse post colorido ai são as minhas idéias. Eu não sei se todo mundo viu os selos que eu dei no post anterior, então dá uma olhada para ver se o seu blog tá lá.

Beijos gente, até o próximo post e, se interessar à alguém, eu toh indo bem nas provas. :D